segunda-feira, 5 de janeiro de 2009

Tricô

Já tinha comentado, penso que no blog da Ana Carina, acerca da minha paixão pelo tricô.
Há muito tempo que não pegava nas agulhas. Um dia destes, fui à retrosaria e comprei uma lã azul bebé para um agasalho para o meu filho.

Tenho aproveitado as minhas deslocações no Alfa Pendular (têm-me mandado de comboio para poupar dinheiro nas viaturas) e já que me mandam em 1ª classe, sempre se tem outro sossêgo, sempre dá para trabalhar. À vez, ora no portátil ora no tricô, consegui dar um adiantozinho nas costas do casaquinho.
O revesilho não ficou como eu queria, portanto, vou desfazê-lo quando tiver terminado as costas.

Entretanto, um dia destes fui ao Lidl e numa daquelas promoções malucas deles, encontrei um pack de 4 meadas de lã felpudinha (4 x 50 g) custando cerca de 4€. Adorei as cores do matizado e decidi tricotar um cachecol. Este sábado dei-lhe um adianto.

Quanto às minhas costuras, estão para o fracote... tenho tido pouquíssimo tempo.
Este ano, tomei uma decisão: não levo mais trabalho para casa! Em casa, já tenho trabalho que chegue e tenho que ter tempo para dedicar aos meus e às minhas coisas. Ao fim e ao resto, tanto vale trabalhar mais como trabalhar menos. Ao fim, levo a mesma avaliação como a que leva quem não faz nenhum... enfim!

Na minha última visita à Feira dos Tecidos, pela módica quantia de 5,60€, comprei estes retalhos:

Da malha vermelha, queria fazer uma daquelas camisolas com as mangas largas e um revesilho tipo cinto.
Do tecido castanho, pretendo fazer uma saia curta e do outro tecido (é bem mais interessante ao vivo, a foto não lhe faz a justiça devida) pretendo fazer um vestido fluído, mas ainda não acertei com o molde.
Espero ter mais notícias para breve.
Bjs.

9 comentários:

Catarina disse...

Também tenho dir aos saldos da Feira dos Tecidos...

Ana'scloset disse...

O casaquinho está a ficar amoroso!
eu e as agulhas de tricot é que ainda não nos entendemos muito bem...

Os tecidos são lindos! ainda hoje a minha mãe disse-me que os saldos já estão com bons descontos! ficam para a semana

Beijinhos

Eden disse...

Olá Catarina.
Os saldos na Feira dos Tecidos estão falulosos. Preços muito aliciantes e até lá a crise se nota, pois sempre que lá vou está tudo às moscas.
Por outro lado, nos caixotes dos retalhos, tem imensa variedade, pelo menos na loja que eu costumo frequentar.
Obrigada pela visita.
Bjs.


Ana's Closet:
Obrigada, mas o revesilho não está mesmo nada ao meu agrado.
Quanto ao tricô em si, não é difícil. Eu aprendi a fazer aos 8 anos, não sei muitas técnicas, mas desenrasco-me. Acho que durante este próximo ano vou experimentar coisas diferentes.
Ontem fui a uma mega loja dos chineses, tinham lá lãs super giras, com cores fantásticas e baratérrimas (0,75€/novelo) e de boa qualidade, por isso, abasteci-me. Hei-de fazer mais uns trabalhos em tricô, agora não sei é quando :D
Obrigada pela visita.
Bjs.

Celina disse...

Vim cá parar via Ana's Closet e adorei! Também sou apaixonada por tricô e mais recentemente por costura, comecei a costurar no Verão passado e correu bem, agora quero continuar. Vou continuar a acompanhar!
Beijinhos

Eden disse...

Olá Celina.
Obrigada pela visita!
Parece que temos 2 paixões em comum!
Até à próxima.
Bjs!!

Ana Carina disse...

Eu sei bem o que é estar no alfa pendular e a fazer, neste caso, croché! Sem quaisquer vergonhas (e porque ainda há quem fique envergonhado estar a fazer estas coisas em público) muito pelo contrário, com muito orgulho!

Bem...e tu já tricotas há muito tempo, nota-se logo!

O filhote vai agradecer-te pelo agasalho que está a ficar bem mimoso e o cachecol...no comments...é a minha cara! É LINDO!

Parabéns Eden e estou a adorar saber um pouco mais sobre ti...e sobre as tuas artes!

Beijinhos

Eden disse...

Olá Ana Carina.
És cá das minhas! Eu também não tenho pruridos de puxar pelas agulhas, antes pelo contrário: isso só mostra que somos mocinhas prendadas!!! :)

O meu tricô é sobre o básico. Já fiz algumas camisolas, mas sem tranças, apenas com variações de pontos. Nunca experimentei nada em circular, nem tubular.
Quando era mais novita, entretia-me a tricotar mantinhas para o meu cãozito. Passadas umas horas de lhas dar, já estavam feitas num trapo...

O casaquito do meu filho está em stand-by. Detestei o revesilho e estou a pensar desfazer a parte do revesilho. Também acho que, por ter muitas malhas, a coisa não rende nada. Como entretanto recebeu imensa roupa e agasalhos no Natal, vou deixar esta peça para trabalhar no alfa, quando começar a minha saga das deslocações. Para a semana vou outra vez, mas desta, mandaram-me com motorista e no carro já não dá para trabalhar.

O cachecol ficou pronto. Acho que vais gostar do resultado. Assim que tiver um tempinho, coloco um post com o resultado final.

Obrigada, Ana Carina, pelas tuas palavras de incentivo, as quais são muito importantes para quem está a começar.
Bjs e volta sempre (quando tiveres uma folguinha)!

Ana Carina disse...

Eu também faço o básico, mas quero agora aventurar-me numa coisa mais "trabalhosa". Vemos ver se o tempo me deixa.

Sabes, eu quando não estou a gostar do resultado de algo que estou a fazer....desmancho tudo! Não consigo continuar a fazer uma coisa que não gosto. Mas eu não vejo nada de mal no casaquinho. Está a ficar bem giro! Tenho a certeza que darás a volta a isso.

Achas?! Eu tenho a certeza!!! Adoro esses cachecóis (tb fiz um mini parecido) e esses tons!

Eu agora estou com menos tempo para vir à net ver as novidades (mais para deixar os comentários) mas sempre que posso, estou cá!

Ahh! Reparei que as tuas agulhas de tricô têm a ponta como a agulha de crochê...conseguiste habituar-te bem? Realmente parece mais prática para algumas coisas.

Beijinhos

Eden disse...

Olá Ana Carina.
Eu gostava de ter tempo para fazer um vestido tipo camisolão. Já comprei as lãs e tudo, mas o tempo não dá para tudo. Penso que não dou saída até ao fum da estação. Portanto, se calhar, pego nesse projecto quando começar o Outono.

Logo vou colocar a foto do cachecol :)

Quanto às agulhas, dou-me melhor com as de bico. Custou-me um bocadito a habituar, mas agora não quero outra coisa e estranho imenso quando tenho que pegar em agulhas sem bico.
O bico dá imenso jeito para passar a malha de uma agulha para a outra.
Bjs.